terça-feira, 2 de setembro de 2014

Marina abre 16 pontos de vantagem sobre Dilma entre eleitorado paulista, diz Ibope

A ex-senadora Marina Silva (PSB) abriu 16 pontos de vantagem sobre a presidente Dilma Rousseff (PT) entre o eleitorado paulista, segundo a última pesquisa Ibope, encomendada pelo jornal “O Estado de S. Paulo” e pela TV Globo. Levando-se em conta apenas os eleitores do estado de São Paulo, Marina teria 39% das intenções de voto, quatro a mais do que semana passada, enquanto a petista sairia com 23%, mesmo resultado do último levantamento do Ibope.

Parte do crescimento de Marina pode ser explicado pela queda nas intenções de voto para o senador Aécio Neves (PSDB). que caiu de 19% para 17% na última semana. Entre os eleitores paulistas, há 10% de indecisos e 4% que declaram votos para os candidatos de partidos menores, como Pastor Everaldo (PSC), Eduardo Jorge (PV) e Luciana Genro (PSOL).

A pesquisa Ibope também mediu o comportamento do eleitorado do estado de São Paulo de acordo com sua fé religiosa. Entre os evangélicos, 49% votam em Marina, 20% em Dilma e 9% em Aécio. Embora seja missionária da Assembleia de Deus, Marina também ganharia entre os católicos paulistas. A candidata do PSB tem 36% das intenções de voto; Dilma tem 25%, e Aécio tem 19%.

O Ibope fez 1.806 entrevistas com eleitores entre os dias 30 de agosto e 1º de setembro em 87 municípios do estado de São Paulo. A margem de erro é de dois pontos percentuais. A pesquisa foi registrada no TSE com o número de protocolo BR-00492/2014, e no TRE com o número SP-00021/2014.

Fonte: O Globo.com

Você Precisa Saber

Só para informa aos internautas este blog não pertence a políticos ou a órgão ligados a gestão municipal, o objeto é de informa a população o que está acontecendo em toda região do alto oeste potiguar.


O blog não tem patrocínio e políticos e de prefeitura, isso é para os nossos internautas que o compromisso é com informação seja qual for a área, religiosa, politica, esporte, cultura, policia entre outras.

STJD concede efeito suspensivo e Icasa permanece na Série B

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) concedeu efeito suspensivo à decisão que excluía o Icasa da Série B do Campeonato Brasileiro. A notícia foi divulgada pelo próprio presidente do órgão, Caio César Rocha, que já havia antecipado à reportagem do Diário do Nordeste, sem matéria publicada no último sábado, 30, sobre o rumo que o caso tomaria.

Além da suspensão da eliminação do Verdão da competição nacional, que tem efeito pelo menos até o julgamento do Pleno do STJD, a multa de R$ 50 mil inicialmente imposta também foi revogada.

Com isso, o jogo da equipe alviverde contra a Ponte Preta, marcado para a próxima sexta-feira (5), no Romeirão, está confirmado e o grande desafio do Verdão do Cariri volta ser a fuga da zona da degola.

Com informações do Diário do Nordeste

Caminhada dos profissionais de saúde e educação de são Miguel

Na manhã desta terça-feira (02) houve manifestação com os profissionais de saúde e educação do município de São Miguel que estão reivindicando alguns direito que está sendo negado, como piso salarial dos professores agentes de saúde, quinquênio, letras, as 10 horas dos efetivos e dos supervisores, transparência nos conselhos escolares e municipais, insalubridade, entre outros problemas existentes.

Até agora as categorias não receberam nem um sinal de negociação. Mas estão dispostos a negociarem a qualquer momento. E contam com a sensibilidades do senhor prefeito e demais órgãos responsáveis pelo fiscalização dos recursos públicos.

Os servidores da saúde e educação continua as manifestação para melhoria dos salários e condição, no dia (03) e a partir das 08hs em frente ao banco do Brasil em mais uma caminhada onde a saúde a educação a população sai ganhado.

Nota do blog: O fato lamentável aconteceu um manifestante menor de idade entrou na prefeitura com erronia e fazendo zuada um dos guarda pediu para ele fizesse silencio o menor ficou chamando os guardas de mal-educados, o guarda simplesmente mal-educado é você que chega soltando piadas, o blog São Miguel em Alta estava fazendo a cobertura e viu as senas, minutos depois ainda em frente a prefeitura os menores disseram que foram desrespeitados, todos tem o direito de reivindicar os seus direitos, mas para denegri a imagem de pessoas que está trabalhando.

Suspeito de matar a própria mulher no interior do RN é encontrado morto


Foi encontrado na manhã desta segunda-feira (1), em meio a uma região de mata fechada na zona rural de Coronel João Pessoa, município distante mais de 400 quilômetros de Natal, o corpo do agricultor José Pereira Filho, de 38 anos, suspeito de ter matado com um tiro na testa a própria mulher - a também agricultora Iane Maria da Silva, de 31 anos, assassinada na madrugada do domingo (31). A Polícia Militar acredita que ele tenha cometido suicídio.


De acordo com o soldado da PM Anderson Clayton, os familiares do agricultor chegaram ao corpo dele após verem urubus sobrevoando uma região de mata fechada. "Os parentes disseram que avistaram os urubus e começaram a ligar para o celular dele, chegando ao local onde estava o corpo", disse o policial.

Ainda segundo o policial, moradores da região disseram ter escutado o som de um disparo por volta das 7h, cerca de três horas depois de a mulher dele ter sido assassinada. "Encontramos ele com uma marca de tiro na cabeça, a arma na mão e pelo menos 10 munições no bolso. Tudo leva a crer que o José Filho tirou a própria vida", afirmou o soldado Anderson.

Uma irmã de José contou à polícia que recebeu, pouco depois de Iane ser morta, uma ligação do irmão. "Ele ligou para essa irmã e disse que tinha acabado de desgraçar a vida dele. Pediu que ela cuidasse dos dois filhos dele e ainda tentou falar com a mãe. Como ela não estava, ele falou com a irmã para que pedisse a benção à mãe, depois desligou", revelou o PM.

O corpo de José Pereira Filho foi encaminhado para a sede do Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep) de Mossoró, na região Oeste do estado.

O crime

Iane Maria da Silva, de 31 anos, levou um tiro na testa e morreu numa estrada de terra, a uns 100 metros da residência onde morava com o marido e dois filhos. O crime aconteceu na madrugada deste domingo (31), numa comunidade conhecida como Sítio Pescaria, na zona rural do município de Coronel João Pessoa. Segundo a Polícia Militar, motivado por ciúmes, foi o próprio marido dela quem atirou.

Em contato com o G1, o soldado Josival Fernandes, que trabalha no destacamento da PM na cidade, disse que vizinhos ouviram o disparo por volta das 4h30, logo após uma discussão do casal. "Houve um briga antes. A mulher saiu de casa e o marido foi atrás dela armado com a espingarda", afirmou o policial.

Ainda de acordo com o soldado, foram feitas buscas pela região, mas o marido dela não fora encontrado. “É uma região de difícil acesso, com mata fechada. Mas vamos continuar procurando”, ressaltou.

Josival contou o casal possui dois filhos. “As crianças têm 2 e 11 anos, mas por sorte estavam na casa de parentes”, acrescentou.


* G1 RN

Contra Marina, governo quer acelerar tramitação de lei que beneficia igrejas

O governo Dilma Rousseff (PT) elabora um conjunto de ações para tentar conter o avanço de Marina Silva (PSB) com medidas que incluem o atendimento a uma das principais bandeiras evangélicas no Congresso: o apoio à Lei Geral das Religiões.

Segundo a Folha apurou, uma das iniciativas do Palácio do Planalto será desengavetar o projeto, proposto em 2009 e há mais de um ano parado em uma comissão do Senado, para conceder diversos benefícios a instituições religiosas, entre eles tributários.

Como primeiro ato do "pacote anti-Marina", o Planalto determinará nesta semana o status de urgência à proposta, o que permitirá ao projeto pular etapas de tramitação e ganhar prioridade de votação.

O texto estende a igrejas evangélicas e outras denominações religiosas benefícios concedidos pelo governo brasileiro à Igreja Católica, a partir de um acordo feito com a Santa Sé em 2008.

Trata-se de tentativa de furar a adesão das igrejas pentecostais à campanha de Marina Silva, que é evangélica.

O projeto da Lei Geral das Religiões já foi aprovado pela Câmara e está na Comissão de Assuntos Sociais do Senado.

Entre outros pontos, ele concede às associações das igrejas que tiverem reconhecida ação social os mesmos benefícios tributários concedidos às filantrópicas.

Também prevê que fiéis que ajudam no dia a dia das igrejas não terão vínculo empregatício para evitar ações trabalhistas e dá uma proteção especial contra a desapropriação e a penhora dos bens das igrejas.

Pelo projeto, a imunidade tributária é garantida "às pessoas jurídicas e eclesiásticas e religiosas, assim como ao patrimônio, renda e serviços relacionados com as suas finalidades essenciais".

EMPRESÁRIOS

A ofensiva petista para neutralizar Marina também contará com uma força-tarefa para afirmar a empresários que o programa da rival travará o gasto público em infraestrutura e provocará desemprego.

O plano petista prevê ainda a facilitação de crédito ao setor privado. A Folha apurou que o ex-presidente Lula cobrou do presidente do BNDES, Luciano Coutinho, medidas para facilitar o financiamento de empresas para tentar animar a economia.

Além de Lula, o PT quer escalar o ex-ministro Antonio Palocci e o ministro Paulo Bernardo (Comunicações) para atrair o setor produtivo.

Em outra frente, devem ser anunciadas ações incluídas no programa de Marina. Uma das ideias é turbinar a escola em tempo integral, um dos eixos do plano da candidata do PSB para o setor de educação.

Neste mês, Dilma detalhará seu programa de governo e pretende inserir antídotos contra o avanço de Marina, com atenção para medidas que contemplem jovens e eleitores de grandes centros urbanos, faixas onde ela concentra muito vigor eleitoral.

A rápida ascensão de sua ex-ministra do Meio Ambiente deixou Lula preocupado com o fato de até hoje o governo não ter tomado uma medida mais clara para se reaproximar de empresários.

Com a força-tarefa, o objetivo é instar parte do setor produtivo contemplado por benefícios federais a defender o projeto de Dilma.

Um dos argumentos do comitê eleitoral é o de que a proposta de Marina de independência absoluta do Banco Central acarretará uma fuga de gastos públicos para estimular a economia e aumentará o risco de desemprego.

Fonte: Folha.com

Paulo Maluf tem candidatura a deputado impugnada

A candidatura a deputado federal de Paulo Maluf (PP), que tenta se reeleger, foi inferida nesta segunda-feira (1) pelo Tribunal Regional Eleitora (TRE) de  São Paulo.

O ex-prefeito da capital paulista foi enquadrado na Lei da Ficha Limpa, já que o político foi condenado pela Justiça do Estado, em 2013, por um suposto caso de improbidade administrativa.

Maluf foi condenado por superfaturamento das obras do túnel Ayrton Senna, quando esteve no comando da prefeitura da capital paulista entre 1993 e 1996. De acordo com a decisão, emitida em novembro do ano passado, o político está proibido de fazer negócios com o poder público e teve suspensos seus direitos políticos por cinco anos. 

A decisão que vetou a candidatura de Maluf nesta segunda-feira teve quatro votos favoráveis ao impedimento, contra três a favor.

Em nota, os advogados do político afirmaram que ele manterá a candidatura à Câmara dos Deputados e recorrerá ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) . O comunicado diz que Paulo Maluf respeita a decisão, apesar de salientar que o resultado apertado da votação mostra “quão controverso” é o tema. 


Portal Band

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Galeno recebe adesão em massa de prefeitos, vice-prefeitos, ex-prefeitos e vereadores de mais quatro municípios

 No início da reta final das eleições 2014, o médico e ex-prefeito de São Miguel, Galeno Torquato, começa o mês de setembro contabilizando a adesão em massa de prefeitos de quatros municípios do Rio Grande do Norte. Passam a apoiar a sua candidatura os prefeitos Antônio Dólar (José da Penha), Getúlio Ribeiro (Várzea), Francisco Tadeu Nunes (Luiz Gomes) e Rosânia Teixeira (Serrinha dos Pintos). Além dos prefeitos, também passam a apoiar Torquato vice-prefeitos, ex-prefeitos e vereadores desses municípios.

"Apoio Galeno por se tratar de um homem sério e de palavra, que já mostrou comprometimento com seu município e com a região. O Alto Oeste necessita de um candidato como ele", disse Antônio Dólar. O município de José da Penha tem cerca de 4.100 votantes. Além do prefeito, passam a apoiar Galeno o vice-prefeito Hélio Trajano e os vereadores: Jersuir de Queiróz, Euclídes Bispo, Antônio Domingos do Rêgo, Maria de Gabriel, Neci Araújo, Jucimar Dólar e Hildeermes Fontes.

O prefeito Getúlio Ribeiro, de Várzea, também justificou a decisão de apoiar o ex-prefeito de São Miguel. "Galeno mostrou um trabalho significativo por sua população e acredito que o mesmo olhar e cuidado que teve com São Miguel levará a todo o estado e ao município de Várzea também", explica. No município, que tem 5 mil votantes, a vice-prefeita Cleide de Carvalho e os vereadores Igor Braz, José de Arimatéia, Telma Regia, Terezinha Tomaz, Wilson Luiz e Saint Clair de Lucena e Silva também estão fechados com Galeno Torquato.

Junto com a vice-prefeita Antônia Abrantes e mais três vereadores, o prefeito Francisco Tadeu, de Luiz Gomes, também se definiu hoje a favor da candidatura de Torquato. “Meu voto e do meu grupo político é de Galeno porque, além de médico, é um político da região Oeste e tem trabalhado faz muitos anos ajudando as pessoas. O trabalho mais certo neste momento é dar apoio ao médico da região, que haverá de ajudar muito mais do que outro que não tenha atenção à saúde”, destacou.

A prefeita Rosânia Teixeira, de Serrinha dos Pintos, juntamente com o vice-prefeito, Chicão, o ex-prefeito Chiquinho de Ana e cinco vereadores do município também anunciaram apoio a Geleno. “Confio em Galeno Torquato para ser nosso deputado estadual porque conheci o seu trabalho e o seu compromisso como gestor público há alguns anos e sei da palavra dada e da palavra cumprida, que é marca do seu jeito de ser e de trabalhar para o povo”, destacou Rosânia.


Assecom do candidato

Ação contra acusados de improbidade em São Miguel é julgada improcedente

O juiz Felipe Luiz Machado Barros julgou improcedente o pedido formulado na Ação Civil de Improbidade Administrativa e assim absolveu o ex-prefeito José Galeno Diógenes Torquato e ex-secretária municipal de saúde, Márcia Cristina Vidal Holanda. Segundo a acusação do Ministério Público, exames clínicos e consultas realizados naquele município eram condicionadas à aprovação pessoal do então prefeito.

Na audiência de Instrução e Julgamento, semana passada, compareceram o promotor de Justiça, Diogo Padre, advogados das partes, cinco testemunhas/declarantes, além dos próprios réus.

O MP informou não ser necessária a coleta do depoimento de José Galeno Diógenes Torquato, pedindo sua dispensa, no que concordaram os advogados das partes. Ao final da audiência, o Ministério Público pediu pela improcedência da ação por insuficiência de provas do alegado. 

De acordo como magistrado, às partes compete a prova de suas alegações, segundo dispõe o CPC, art. 333, I. No caso analisado, no entendimento dele, não houve prova cabal dos fatos contidos na petição inicial, nem tampouco de dolo por parte dos réus. Assim, julgou improcedente a ação judicial.
Ação Civil de Improbidade Administrativa nº 0000889-97.2012.8.20.0131

TJ-RN

Acusado de matar a companheira na zona rural de Coronel João Pessoa foi encontrado morto


Agricultor José Pereira Filho de 38 anos, ele é acusado de matar sua companheira "Iane Maria da Silva" na madrugada deste domingo (31) no Sitio Pescaria no município de Coronel João Pessoa.

O indivíduo foi encontrado na manhã de hoje (1º) sem vida em uma serra na zona rural de Coronel João Pessoa. 

O acusado informou que estava arrependido do crime e por disso iria cometer o suicídio, PM trabalha na hipótese de que agricultor tenha se matado os peritos do ITEP-RN removam o corpo pra a necropsia, o local é de difícil acesso.

Roberto Carlos e Eramos Carlos estão movendo um processo contra o deputado Tiririca

O deputado Tiririca acaba de se dar mal. O humorista longe da TV há pelo menos 4 anos desde que resolveu seguir carreira como deputado, está sendo processado por fazer uso de direito autoral indevido em sua propaganda política partidária veiculada principalmente na televisão.
Segundo informa o jornalista Flávio Ricco, há poucos dias a Sony/ATV Music comunicou que havia tomado a decisão de entrar contra o deputado na justiça por conta do uso não autorizado da música “O portão”, de Erasmo e Roberto Carlos, em sua campanha política.
Quem achava que a história terminaria assim, se enganou. Em recente entrevista ao programa “Amaury Junior” ainda não veiculada, o cantor Eramos Carlos revelou que ele e o cantor Roberto Carlos também estão entrando com processos. Roberto atualmente é a principal imitação do humorista na propaganda política.

Fonte: Tv Foco

Campanha de Galeno Torquato defende o fortalecimento dos municípios.

 Disputando pela primeira vez um mandato de deputado estadual, o médico e ex-prefeito de São Miguel, Galeno Torquato, visitou nesse final de semana os municípios de Assú e Mossoró, ao lado do candidato a governador Robinson Farias. Em Mossoró, onde conta com o apoio do prefeito Francisco José Silveira Junior, Galeno conheceu a comunidade de Alagoinha e se comprometeu junto à população local a lutar pela construção da estrada de acesso a localidade, que fica na zona rural, distante 16 quilômetros de Mossoró.

 "Sei que essa comunidade precisa de uma de uma estrada e nós vamos lutar por ela. Eu fui prefeito de um município que boa parte da população mora no campo, e sei o quanto é importante dar acesso e estrutura do homem do campo.", disse Galeno.

Mais uma vez ele explicou ao eleitor mossoroense que a sua candidatura chega para somar. "Não estamos aqui pra competir com ninguém, mas sim para lutar e ajudar a população", destacou, enfatizando sem seguida que a cada dia aumenta sua sintonia com o povo de Mossoró. "Já me sinto muito entrosado com as pessoas de Mossoró, me.sinto cada vez mais apaixonado por essa juventude e esse povo", disse.

Já em Assú, Galeno observou que a sua candidatura está sendo bem aceita na região, já que o povo vem entendo o seu discurso em defesa do fortalecimento dos municípios do Rio Grande do Norte. "Aqui em Assú nós temos os apoios do vereador Odelmo e do suplente Mário Rogério. O município está se contagiando com a força do nosso trabalho, porque nós entendemos a importância de fortalecer os municípios. Temos apoio em Upanema, com vereador Gineton e em Pendências com o ex-prefeito Jailton. Cada vez mais as pessoas estão entendendo o valor do nosso trabalho", disse Galeno.


*Assessora de Comunicação

Pesquisa mostra que 65% dos pacientes com câncer continuam fumando

Levantamento feito pelo Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp) com pacientes da instituição mostra que 65% dos pacientes fumantes não conseguem largar o cigarro mesmo após receber o diagnóstico da doença. O coordenador de Apoio ao Tabagista do instituto, Frederico Fernandes, disse que o resultado da pesquisa foi surpreendente. “Nós imaginávamos, justamente, que uma pessoa que fumasse, na hora de receber o diagnóstico de câncer ficasse motivada a parar, pelo fato de ter desenvolvido uma doença relacionada ao tabagismo”, ressaltou em entrevista à Agência Brasil.
Segundo o médico, apesar da vontade dos pacientes de largar o tabaco, o vício é muito forte. “Quando a gente conversa com esses pacientes, vemos que eles têm vontade, estão motivados, mas, pelo fato de ter um nível alto de dependência da nicotina, não conseguem parar ou reduzir”, contou.
A situação se agrava, de acordo com Fernandes, pelo fato de o cigarro ser uma válvula de escape de grande parte dessas pessoas ao lidar com situações difíceis. “E, muitas vezes, quando a pessoa recebe um diagnóstico como esse, acentua os traços de ansiedade. Com isso, ela acaba não conseguindo largar o cigarro por não conseguir canalizar a ansiedade contra a doença em outra coisa”, explica o médico.
Além de ser um fator que contribui para o surgimento do câncer, Fernandes destaca que o cigarro pode atrapalhar o tratamento. “Alguns tipos de quimioterapia têm menor eficácia quando a pessoa continua fumando e recebendo o tratamento”, enfatiza. Fumar também interfere na cicatrização e recuperação de cirurgias. “Se uma pessoa é submetida a uma cirurgia, parando de fumar ela tem uma cicatrização melhor e um pós-operatório menos complicado”, acrescenta.
Há ainda, segundo o médico, o problema da fragilização do sistema respiratório. “Uma das principais complicações que ocorrem no tratamento de câncer são as infecções respiratórias. E a pessoa que fuma tem chance maior de contrair uma infecção durante o tratamento do câncer”.
Por isso, o Icesp montou uma equipe para apoiar os pacientes que querem deixar o cigarro. “Nós temos uma equipe multiprofissional, composta por psicólogos, enfermeiros, nutricionistas e médicos, que vai dar um tratamento baseado tanto em medidas comportamentais, quanto em medicações, para tentar diminuir o vício”, detalha Fernandes.
Uma das principais linhas de atuação do grupo é, justamente, ajudar os fumantes a lidar com a ansiedade sem o tabaco. “Ensinar como lidar com as situações de problema, com o stress do dia a dia, sem precisar recorrer ao cigarro, coisa que muitos deles estão acostumados a recorrer desde a adolescência”, explica o médico.
Agência Brasil

Rio Grande do Norte tem 9,3 queixas por dia de abusos contra idosos

Em 2013, o ‘Disque 100’ recebeu 1.297 denúncias do Estado
A Delegacia Especializada em Proteção ao Idoso (Depi), em Natal, tem recebido em torno de 280 novos casos mensais de maus tratos e/ou abusos contra idosos. São, em média, 9,3 queixas por dia, metade relativa aos desvios de aposentadorias e benefícios financeiros. Desse total, 10% viraram inquéritos. Segundo dados do “Disque 100” (serviço da Secretaria Nacional de Direitos Humanos) as denúncias de maus tratos cresceram mais de 300% no RN nos últimos três anos.

Figurando entre os dois tipos de crime mais recorrentes na Especializada, o uso indevido de aposentadorias e pensões, bem como a realização de empréstimos em nome de terceiros, é crime previsto em lei, mas amplamente praticado pelo País. 

O delegado Fábio Fernandes, titular da Depi, conta que, desses casos, cerca de 120 são denúncias feitas diretamente na delegacia, enquanto o restante é originário do “Disque Direitos Humanos”, ou ‘Disque 100’. Há ainda casos que o Ministério Público pede que se investigue, mas o delegado não soube precisar esses números. 

“Os principais crimes que a gente têm aqui são desvio de provento e abandono, mas desvio de provento é praticamente 50% do que chega aqui”. Segundo ele, o mais comum é que outros familiares façam a denúncia.

Disque 100 
No ano passado, o ‘Disque 100’ registrou no Brasil 38.976 denúncias, das quais 16.796 foram referentes a abusos financeiros contra idosos. Do RN foi um total de 1.297 denúncias, sendo 643 registrados nessa mesma categoria. Em um ranking nacional, o Rio Grande do Norte ficou na 9ª posição, considerando o número de denúncias, por estado, feitas ao serviço. De acordo com a Secretaria Nacional de Direitos Humanos (SNDH), os três mais frequentes crimes cometidos contra idosos são negligência, violência psicológica e abuso financeiro e econômico. No Rio Grande do Norte, esses também são os três principais casos. Entre as denúncias recebidas, negligência foi a mais comum (962 denúncias); seguida de violência psicológica (781 denúncias); e abuso financeiro (643 ligações).
Investigação
Policial civil e assistente social, Ana Carla Ruivo vai semanalmente às casas de vítimas que estão com inquérito em andamento na Depi. Entre os casos que chamaram atenção, ela destaca um ocorrido em 2005. “Um casal, ele ex-desembargador e com Alzheimer, e a mulher ex-procuradora e com dificuldade de locomoção, recebia em torno de R$ 80 mil. Dos cinco filhos, um era advogado e desviava grande parte desse dinheiro. A gente só ficou sabendo depois que uma outra filha, morando no Rio de Janeiro, denunciou à Polícia”, conta.

Abuso
Envolvendo valores menores, outro caso similar ocorreu no interior do Estado. Cláudia Passos* conta que sua tia, Olívia Simone* , teve a aposentadoria e pensão que recebia do pai totalmente desviada pelo filho adotivo. “Era uns R$ 3,5 mil que o filho e a mulher dele usavam para comprar celular e as coisas para eles, que nem trabalhavam. E ela [a tia] não tinha alimentação adequada, andava suja e sem cuidados de higiene pessoal e de saúde”, conta.
A solução encontrada pela família foi trazê-la para uma casa exclusiva para idosas. Com esse dinheiro que antes era desviado, agora é pago plano de saúde, gastos com higiene pessoal e parte da mensalidade do local onde vive.

Analisando as denúncias que recebeu, a SNDH elaborou um “perfil” das vítimas e dos acusados. No RN, 67,3% das vítimas são mulheres e a maioria tem entre 76 e 80 anos. Já em relação aos suspeitos pelas agressões, em 57,1% dos casos são filhos (as) e 45% são mulheres.

*Os nomes Cláudia Passos e Olívia Simone são fictícios e foram usados para preservar a identidade dessas pessoas.

Tribuna do Norte

Fla vence quinta seguida e mantém Vitória na lanterna do brasileirão



O Flamengo cresce no mesmo embalo em que o Vitória despenca no Campeonato Brasileiro. No começo da noite deste domingo, no Barradão, o time carioca venceu sua quinta partida seguida na competição e manteve os baianos na lanterna da disputa. O triunfo por 2 a 1 teve gols de Marcelo, de cabeça, e Alecsandro, de pênalti. Caio fez para o Vitória, que desperdiçou a chance da igualdade ao perder uma penalidade com Juan, ex-Fla. Paulo Victor defendeu.

Com o resultado, alicerçado em grande atuação de Everton, o Flamengo pulou para a nona colocação, com 25 pontos. São sete de distância para o G-4 e oito de afastamento para a zona de rebaixamento. O Vitória, com 15, está isolado em último, com um ponto a menos do que o Bahia, seu rival, vice-lanterna - o Palmeiras, primeiro fora do Z-4, tem 17.

Na próxima rodada, a última do primeiro turno, o Flamengo recebe o Grêmio no Maracanã. O jogo é sábado, às 18h30. Nos mesmos dia e horário, o Vitória visita o Santos. Antes disso, porém, os cariocas enfrentam o Coritiba, quarta-feira, no Maracanã, pela Copa do Brasil. Os baianos jogam no mesmo dia contra o Sport, pela Copa Sul-Americana, no Barradão.

Fonte: Globo Esporte (adaptada)